Saiba quantos GB uma família consome por mês

Operadoras brasileiras querem oferecer pacotes que não se adequam à realidade da população

Publicado em 16/05/2016

Você sabe qual seu consumo médio de internet? Ter a resposta para essa pergunta é fundamental ante a grande discussão sobre a limitação de dados pelas operados brasileiras. O site Olhar Digital resolveu fazer esse cálculo, levando em conta acesso a vídeos, jogos, navegação simples pela internet e visualização de filmes.

Os primeiros a serem analisados foram os vídeos, com consumo de dados variando de acordo com o dispositivo e suas configurações, além da qualidade. Um vídeo de 20 minutos em Full HD no YouTube consumiu 458 MB, enquanto que em qualidade 4K gastou 2,2 GB. Já na Netflix, um episódio de um seriado com 21 minutos de duração em Full HD usou 1,1 GB.

Jogar online é outra grande atividade consumidora de dados, dependendo do tamanho do game. Versões mais simples gastam em meia hora menos de 30 MB. Porém, o maior  consumidor de dados é o download dos mesmos. Os games mais atuais são pesados e baixá-los pode utilizar entre 10 e 30 GB. Apesar disso, a navegação na internet é menos preocupante, pois não consome muito dados. Assistir a alguns vídeos e ouvir músicas em algum serviço de streaming gera um gasto de dados de cerca de 400 MB por hora.

Informações fornecidas pelo Ibope indicam que o brasileiro passa 5 horas na internet diariamente. O cálculo do Olhar Digital foi feito primeiramente considerando uma pessoa que vive sozinha. Se, ao longo dessas cinco horas, o sujeito passar uma hora assistindo a seriados na Netflix, mais uma hora vendo vídeos no YouTube em alta definição, jogando por meia hora, e as outras duas horas e meia restantes simplesmente navegando como um usuário intermediário – nem muito leve, nem tão hardcore - por dia, esta pessoa consumiria algo em torno de 3,7 GB; no mês, um total de quase 115 GB.

Já para um casal, que assiste à Netflix juntos, o gasto não chegaria a dobrar, mas já ficaria bem perto dos 200 GB por mês. Enquanto isso, para uma família de 4 indivíduos, o consumo poderia chegar a 700 GB por mês.

As empresas pretendem disponibilizar franquias de dados que variam entre 10 e 130 GB por mês, quantidade irrisória perto da demanda de uma família brasileira.